Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Cinematográfica e do Audiovisual dos Estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins e Distrito Federal.

Voltar
Notícias
publicado em 12/06/2019 - Notícias

SINDCINE APOIA A GREVE

Contra a reforma da Previdência e contra o contingenciamento na Educação, o Sindcine participará da paralisação e das manifestações na próxima sexta-feira, 14 de junho. Os dirigentes das centrais estão otimistas e apostam que, no mínimo, repetirão o tamanho da greve geral de 28 de abril de 2017, realizada no governo Michel Temer contra a reforma trabalhista e um projeto de reforma da Previdência que igualmente limitava o acesso aos benefícios do INSS. O Sindcine é filiado à Nova Central Sindical, que participa do movimento nacional pela paralisação no dia 14, para mostrar ao governo que é preciso consultar, ouvir e dialogar com os trabalhadores antes de impor mudanças que afetam nossas vidas. As promessas de mais emprego com a reforma trabalhista revelaram-se um engodo, e os cálculos mostram que o mesmo acontecerá com a reforma da previdência. Participe da greve, cruzando os braços no dia 14 e comparecendo às manifestações.

Sindcine é uma marca registrada. Todos os direitos reservados.